Setores na Fabricação de Esquadrias.

Atualmente, podemos dividir empresas que produzem Caixilhos em Alumínio, em diversos setores. Podemos citar:

  • as Serralherias de pequeno porte, onde geralmente, atendem clientes particulares, residências, trocas de janelas existentes;
  • as Serralherias de médio porte, que passam a atender obras completas, porém não tão complexas, obras residenciais independente do padrão da construção;
  • as Fábricas de Esquadrias, empresas essas que fabricam esquadrias para Construção Civil, visam o atendimento à construtoras, são obras com mais volumes, prédios residenciais, fachadas para prédios comerciais, etc;
  • e por fim, as Indústrias de Esquadrias, que são as conhecidas por fabricarem esquadrias padronizadas em grandes quantidades, onde o principal objetivo é fornecer esquadrias para lojistas que por sua vez, revendem para consumidores finais.

À partir das Serralherias de médio porte os métodos de aproveitamento de materiais, listas de cortes, compra de materiais, são feitos através de softwares específicos, diferente das serralherias de pequeno porte, onde geralmente quem faz este tipo de levantamento é o próprio serralheiro. Que pode gerar, de certa forma, um desperdício, por não ter um cálculo preciso.

Já nas Fábricas e Indústrias de Esquadrias,  este gerenciamento, é muito mais abrangente. Envolve não só listas técnicas, bem como relatórios de orçamento, planilhas de venda, envolve além da parte da produção, a parte administrativa da empresa. Onde todo o material é aproveitado, calculado e otimizado, de modo que se evite sobras de materiais, compras em excesso, entre outros.

Além destes sistemas adotados, empresas neste segmento, contam também, com projetos executivos específicos de caixilhos. Projetos esses que detalham todo o tipo de material a ser usado, os acessórios, tipos de pintura, especificam vidros e guarnições, bem como orientam através de detalhes técnicos tanto na produção, quanto na obra, para que todo o conjunto tenha um bom funcionamento.

No próximo post, falarei sobre Listas de Corte e Projetos Executivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *